Dicas de Roteiro

19/08/2012

Aulas Particulares de Roteiro em São Paulo

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 08:31
Tags:

Oi, pessoal! Depois de uma temporada acamada, estou de volta com esta bacana iniciativa do Maurício Fernandes, um colega nosso do blog. Ele está dando aulas particulares de Roteiro! Muito legal, é a primeira vez que vejo isso. Para quem estiver interessado, eis os detalhes abaixo:

Aula particular

AULAS PARTICULARES DE ROTEIRO (SÃO PAULO) – TRANSFORMANDO UMA IDÉIA ANTIGA EM UM NOVO CONCEITO

Geralmente, os cursos de roteiro têm as seguintes características:

1) Duram um tempo pré-determinado

2) Ensinam os fundamentos do roteiro de uma maneira impessoal à partir de um "texto base"

3) Você tem que fazer o curso inteiro, independente do seu grau de satisfação

4) O curso já foi totalmente delineado e se você não se encaixa nele, só lhe resta esperar o fim do mesmo, sem ter obtido o que queria

O resultado, muitas vezes, é o seguinte:

1) Há muita teoria e pouca prática, sendo que 90% dessa teoria é esquecida pelo aluno, já que conhecimento só se fixa através do seu devido uso

2) Alunos têm necessidades e deficiências diferentes, fazendo com que certos fundamentos sejam mais importantes para uns do que para outros; mas nesse tipo de curso, tudo tem o mesmo peso

3) O curso tem um fim muito bem definido e quem aprendeu aprendeu, quem não aprendeu não aprendeu

4) Se o curso não te agradou, você não tem chance de repensá-lo junto de quem o organizou ou de cair fora

O curso de roteiro tradicional alcança seus melhores resultados quando o assunto é mais específico, um tópico ou um método a ser ensinado, e não quando serve para transmitir uma enciclopédia de temas e tópicos em pouco tempo e de uma só vez. O aluno – com poucas exceções – não consegue incorporar tudo isso ao seu dia a dia de roteirista.

À partir daí, peguei a antiga idéia de "aula particular" e criei um novo conceito que pode ser a solução para quem não está satisfeito com o tipo de ensino adotado pela maioria dos cursos de roteiro no mercado.

Qual o principal objetivo das aulas particulares de roteiro?

A escrita e a reescrita de um curta-metragem. E junto disso, o aprendizado da teoria adequada para que o roteiro seja finalizado a contento.

Por quê dar aulas particulares de roteiro audiovisual?

Cada aluno é um aluno. Cada roteiro é um roteiro. Cada um tem suas necessidades e deficiências. A aula coletiva é uma comodidade da escola e não do aluno. Se uma pessoa que tem a habilidade de escrever diálogos tão bons quanto o Tarantino quer fazer uma aula, eu não vou tentar ensiná-lo a escrever diálogos. Vou focar a aula nas suas fraquezas e impedir que sua parte forte seja prejudicada pela fraca.

A aula particular, nesse sentido, torna-se uma mistura de "scrip-doctoring", "mentoring" e aula particular. A idéia é passar a teoria adequada para os problemas serem resolvidos e, através da prática do aluno direcionada pelo professor, acabar o roteiro e chegar a resultados satisfatórios.

O que será passado de teoria?

Terá teoria, mas teoria adequada aquilo que está sendo trabalhado pelo aluno. Ou seja, se ele está desenvolvendo sua habilidade em formular uma estrutura, é nesse campo que a teoria vai se focar. Se ele se focar depois nos diálogos, a teoria acompanha. Mas não será dado um "textbook" de teoria, já que acho contra-producente. Muita teoria pode "engessar" o aluno nessa fase inicial de sua carreira. Para simplificar a resposta, não há teoria pela teoria. A teoria tem de existir para ajudar a prática.

E o que eu tenho que fazer para começar a ter aulas?

O futuro aluno manda um roteiro de curta ou argumento para mim. Pode ser também um texto que ele quer transformar em roteiro. Eu leio e marco um encontro. Nesse encontro – uma conversa de meia hora – falarei sobre os pontos a serem aperfeiçoados no roteiro e ouvirei quais são os objetivos do aluno. O aluno pondera sobre meus comentários e meu plano de trabalho e depois me diz se quer continuar ou não. Essa conversa de meia hora não é cobrada.

Quanto tempo dura o curso?

Aí é que está. Não é um curso. São aulas particulares. O tempo de duração depende de nós chegarmos até o final da feitura do roteiro e de quanto o aluno quer aprender durante esse processo. Pode demorar três aulas. Ou então vinte aulas. Como já escrevi antes, cada um é cada um. Vai depender da opinião do professor e da opinião do aluno. O aluno pode desistir no meio também, se sentir que não está progredindo e que não irá progredir através do método que adoto.

Quanto dura cada aula?

Uma hora.

Quanto custa?

Para informações sobre valor, dias e horários das aulas, mandar um e-mail para mvfernandes@terra.com.br

Para saber mais sobre Maurício Fernandes, visite o blog http://sobreroteiroseroteiristas.blogspot.com e vá para a seção "SOBRE MIM".

Boa escrita para todos!

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: