Dicas de Roteiro

04/09/2011

“Três Regras Para Escrever Ficção”: Diana Athill

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 08:01
Tags: ,

A lista de dicas de hoje é bem curtinha e foi tirada do site do jornal The Guardian:

williams_1_front

1. Leia em voz alta para si mesmo, porque essa é a única maneira de ter certeza de que os ritmos das frases estão OK (em prosa os ritmos são complexos e sutis demais para serem pensados – eles só podem ser acertados de ouvido).

2. Corte (talvez isso deva ser CORTE): só não tendo palavras não essenciais é que cada palavra essencial pode ser feita para ter valor.

3. Você nem sempre tem de ir tão longe quanto matar as suas queridas – aquelas viradas da frase ou imagens pelas quais você se sentiu extra-orgulhoso quando elas apareceram na página – mas volte atrás e olhe para elas com um olho muito severo. Quase sempre verifica-se que elas estariam melhor mortas. (Nem toda pontadinha de satisfação é suspeita – são naquelas que correspondem a uma espécie de alegria presunçosa que você deve prestar atenção.)

========================

Boa escrita pra você hoje! =)

Anúncios

2 Comentários

  1. Sabe que eu nunca tinha pensando nessa primeira dica? Aliás, tinha sim, mas não sabia que era algo usado “por profissionais”, digamos assim.
    Vou fazer isso com frequência agora.

    Bom post!

    Comentário por Milton G. Machado — 04/09/2011 @ 22:17

    • Oi, Milton! 😀

      Pois é, e isso é ainda muito mais fundamental para roteiristas, já que os diálogos serão interpretados por atores. A gente precisa de um cuidado dobrado, ler e reler em voz alta até aquilo ficar natural. Quem disse que ser roteirista é moleza, né?

      Um abração, Milton! Fiquei muito feliz por você ter gostado do post! :mrgreen:
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 06/09/2011 @ 11:17


RSS feed for comments on this post.

%d blogueiros gostam disto: