Dicas de Roteiro

12/06/2011

As 12 Perguntas Essenciais Que Todo Escritor Deve Responder – Parte 1

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 11:54
Tags: , , , ,

Hoje começamos uma série em 13 partes tirada do ótimo site Storymind, que pertence a Melanie Anne Phillips (que também é a autora desta série de artigos) e é criadora do software de roteiro StoryWeaver, assim como co-autora do software Dramatica:

perguntas essenciais

As 12 Perguntas Essenciais:

Visão Geral

Existem 12 Perguntas Essenciais que todo autor deve saber responder a respeito de sua própria história. As próximas dicas irão explorar o significado e a melhor maneira de responder às 12 Perguntas Essenciais do Dramatica. As perguntas estão divididas em três áreas – Personagem, Enredo e Tema.

Perguntas sobre os Personagens:

1. A Determinação do Personagem Principal – Se Altera ou É Firme

2. O Crescimento do Personagem Principal – Começar ou Parar

3. A Abordagem do Personagem Principal – Fazer ou Ser

4. O Sexo Mental do Personagem Principal – Masculino ou Feminino

Perguntas sobre o Enredo:

5. Condutora da História – a Ação ou a Decisão

6. Limite da História – Determinado por Tempo ou por Opção

7. Resultado da História – Sucesso ou Fracasso

8. Julgamento da História – Bom ou Ruim

Perguntas sobre o Tema:

9. Domínio – quatro opções: Universo, Física, Mente ou Psicologia

10. Preocupação – uma escolha entre quatro, dependendo da escolha do Domínio

11. Alcance (Assunto) – uma escolha entre quatro, dependendo da escolha da Preocupação

12. Problema – uma escolha entre quatro, dependendo da escolha do Alcance (Assunto)

Por que 12 perguntas? Imagine a estrutura de uma história como a rede de vigas que formam a estrutura de um arranha-céu. Cada lugar em que duas ou mais vigas se ligam para formar um cruzamento é um ponto-chave de stress na estrutura. Nas histórias, todo lugar em que duas ou mais forças dramáticas convergem é um ponto-chave da história.

Se você quiser saber algo sobre a forma do edifício em geral, os quatro pontos mais importantes são os quatro cantos. Uma vez que estes estejam determinados, todo o resto cai dentro desse perímetro.

Enredo, Personagem e Tema são como três edifícios diferentes em uma história – três diferentes tipos de estruturas. O melhor modo de conseguir identificar o contorno completo de cada um é definindo os quatro cantos.

Ao responder às 12 Perguntas Essenciais, você determina o formato básico de cada uma das três áreas em que todos os outros pontos da história devem cair, às quais todos os outros pontos da história devem se adaptar. É como determinar o pano de fundo ou a arena na qual todos os elementos da história deve ser disputados.

E quanto ao Gênero? O Gênero é como um quarto edifício na história. Ele fornece o quarto canto da estrutura completa. Na verdade, ele determina como os outros três edifícios (Personagem, Enredo e Tema) irão se relacionar entre si.

Por que não existem mais quatro perguntas para o Gênero, tornando-se 16 Perguntas Essenciais? Porque o Gênero não é uma estrutura real como as outras três áreas, mas uma descrição de como as outras três se relacionam entre si. É mais como uma cidade no céu.

O Gênero é determinado pela forma como você CONTA a história, as outras três descrevem a história que será contada. Como resultado, o Gênero é dependente do talento, da inspiração e da mística qualidade artística do autor. É por isso que nenhum computador jamais vai escrever uma história tão significativa quanto uma pessoa é capaz. Em contraste, pensar que as histórias são SÓ arte e que nada definitivo e mecânico existe é ir para o extremo oposto.

Até o Dramatica, a arte de contar histórias geralmente era considerada como sendo inseparavelmente entrelaçada com a substância da estrutura da história. Como resultado, os autores muitas vezes criaram belas expressões de estruturas com defeito.

Ao responder as 12 Perguntas Essenciais no Dramatica, os autores podem obter uma boa compreensão dos imperativos estruturais que eles determinaram para suas histórias. Então, usando essa estrutura de Modelo de História como tela e paleta, eles podem atrair as suas respectivas musas para expressarem a essência intangível do coração humano de uma forma significativa e compreensível.

MAPA DAS NOVE MUSAS DOS TEMPOS MODERNOS

Mapa_das_nove_musas_dos_tempos_modernos

Boa escrita pra você hoje, e até a parte 2!

Anúncios

4 Comentários

  1. Você pode explicar melhor as perguntas?? não entendi bem o que elas pedem… O.o

    Comentário por Lucas Luciano — 13/06/2011 @ 15:31

    • Oi, Lucas! =D

      Não se preocupe, não tinha como você entender, esse post foi apenas a introdução, cada capítulo será sobre uma das perguntas (por isso os 13 posts da série = introdução + 12 perguntas). Eu já deveria ter postado mais duas partes, só que tenho sofrido com dor de dente o fim de semana todo e estou desde ontem às voltas com dentistas. Daqui a pouco vou sair correndo pra fazer o meu canal (Ai, eu tenho um trauma danado de dentista! Tô numa perspectiva animadora: a dor de dente ou aquele aparelhinho infernal! Sinto calafrios só de pensar! Acho que eu tenho o que os psicólogos chamam de Fobia Dentária! Cruzes! Dureza!! 😦 ).

      Mas, se tudo correr bem (torça por mim, Lucas! 😉 ) amanhã postarei a continuação desta série, e daí em diante, sem dor de dente, se Deus quiser, eu voltarei com os posts diários.

      Então até lá, Lucas! Agora vou me arrumar pra minha sessão de tortura! Ai, ai! *suspiro* :-/
      Um abração!
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 14/06/2011 @ 11:38

      • Ahhh! eu realmente estava pensando: Por que 13 posts?? =D
        Boa sorte com o dente XD

        Comentário por lucas luciano — 14/06/2011 @ 14:43

        • Oi, Lucas! =)

          Deu tudo certo no dentista (Sobrevivi!!), só a infecção que ainda me deixou uns dias com dor (Argh, e eu tô entupida de antiinflamatório!) mas agora estou bem melhor! 😀 Ufa!! Valeu pela torcida! :mrgreen: 😉

          Comentário por valeriaolivetti — 18/06/2011 @ 10:41


RSS feed for comments on this post.

%d blogueiros gostam disto: