Dicas de Roteiro

11/06/2011

Como Reescrever Um Roteiro

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 12:45
Tags: ,

O artigo de hoje foi tirado do site Screenwriting Basics e é de autoria de Michael Firth Rogan:

Escrever (4)

Então você terminou o seu roteiro épico de 165 páginas sobre animadoras de torcida zumbis mutantes e está pronto para começar a apresentá-lo para os agentes e produtores. (A maioria dos quais têm mais em comum com líderes de torcida mutantes do que você pensa.)

Mas antes de você enviar o seu roteiro, aqui estão algumas dicas para reescrevê-lo.

Dica 1 – Não faça nada

Eu sei. Você acabou de digitar "fade out" e está pronto para seguir em frente. Mas eu diria que é bom esperar um mês, ou pelo menos duas semanas, antes de começar a reescrever.

Por quê? Porque você está próximo demais do material. Você vai se concentrar nas pequenas coisas, como gramática, diálogos, quando deveria estar trabalhando na construção de emoções e conflitos. Então, dê uma pausa, e coloque o roteiro na gaveta por algum tempo.

Dica 2 – Corte as primeiras 5 páginas

Mas você precisa dessas páginas, certo? Elas são fundamentais para definir o personagem e o cenário e… blá-blá-blá.

Eu aposto cinco dólares que você não precisa delas. Não acredite em mim… mostre o roteiro para outras pessoas, sem as cinco primeiras páginas. Se ninguém perceber, você não precisa delas.

A verdade é que a maioria dos escritores fica demasiado longa e repetitiva nessas páginas iniciais. Vá direto ao ponto. (Lembre-se, os leitores querem saber o que está acontecendo. Então deixe que eles façam um pouco de trabalho de detetive.)

Dica 3 – Versões Focadas

Em vez de reescrever a partir do fade in até o fade out, eu gosto de repassar o roteiro várias vezes, mas com uma intenção bem focada em cada reescrita.

Então… talvez eu faça uma reescrita onde eu não me concentro em nada além da ortografia. Outra… nas descrições de cenas. Talvez outra seja para impulsionar o conflito. Enquanto outra trate do diálogo.

Daí eu vou fazer uma reescrita para cada personagem principal. Talvez eu tente adicionar algumas imagens simbólicas de forma sutil.

Depois de fazer de 10 a 20 destas (com objetivos muito claros), isso vai me ajudar a permanecer nos trilhos e me certificar de que cobri tudo.

Eu garanto que se seguir estes 3 passos, você terá um roteiro amarrado, focado e muito melhor. (Mesmo que seja sobre zumbis mutantes.)

=> Michael Firth Rogan é um blogueiro e ninja em meio período. <=

rewrite

Boa reescrita pra você hoje!

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: