Dicas de Roteiro

28/01/2011

As Diferentes Fases de Um Projeto Criativo

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 11:23
Tags: ,

O artigo de hoje foi escrito pelo orientador e consultor de roteiros, Greg Miller, e tirado de seu blog, The Other Network Writers Room. O título original do texto é: “Minha Mente Continua Passando Por Estas Mudanças (Como Navegar Através das Diferentes Fases de Qualquer Projeto Criativo).

Inovação

Eu estava apenas conversando com um grande escritor de comédia de TV, que estava empacado no meio de um roteiro de um filme de longa-metragem. Ele estava entediado com os personagens e perdeu contato com a emoção e o impulso que o fizeram começar o projeto em primeiro lugar.

Kubler-Ross enumerou as famosas fases pelas quais quem lida com a morte passa (negação, raiva, barganha, depressão, aceitação). Escritores também enfrentam estas etapas quando terminam um projeto, mas antes de chegar lá, há outras etapas para se tomar ciência. Cada uma tem seus desafios, e é realmente útil saber em que estágio você está, pois isso lhe ajuda a focar nos desafios certos, em vez de ficar preso em problemas que você ainda não tem – ou não tem mais.

Um amigo roteirista compartilhou este fragmento de tradição oral, que estabelece as etapas de um projeto de Hollywood:

1) Entusiasmo Desenfreado
2) Desespero Total
3) Busca Desesperada pelo Culpado
4) Punição de Inocentes
5) Promoção dos Não-Envolvidos

Triste/engraçado, mas é verdade. Do lado criativo, e fora do sistema de estúdios de Hollywood, você provavelmente vai experimentar estes estágios em qualquer projeto criativo de grande escala:

1. CÉU AZUL- Qualquer coisa vai. O entusiasmo manda. Não há fronteiras. Não há limites.

2. DILIGÊNCIA DEVIDA – Comece perguntando por aí e pesquisando na Internet para ver se alguma coisa igual ao seu projeto já existe. Isto pode ser doloroso, mas é melhor saber agora do que depois.

2. PRODUZIR PÁGINAS- Tente ficar longe de ser excessivamente auto-crítico nesta fase. Você está apenas gerando palavras/cenas/páginas.

3. SELECIONAR & FOCAR – Aqui é quando você tem que dar uma segunda olhada em suas pretensões e decidir que história você está contando e a qual gênero ela pertence. Este também é o momento em que algum material apreciado vai ter que deixar o projeto e ir para o arquivo de saída/pilha de compostagem. Ela pode ser uma grande cena. Ela só não pode ser parte deste projeto. Esta também poderia ser a fase em que você pira e fica enjoado do projeto, tudo ao mesmo tempo.

4. DAR FORMA – Esta poderia ser a hora para reestruturar e reorganizar o material. Também poderia ser a fase de conseguir algumas observações de conselheiros de confiança, porque você provavelmente já perdeu toda a perspectiva.

5. REFINAR – Também conhecido como polir. Esta é uma espécie de grande fase, mas não finja que você está aqui antes de estar.

A Fase 1 lhe dá a alegria da acumulação e a emoção de canalizar a energia criativa. A Fase 2 dá a você a sensação fundamentada de viver na real. As Fases de 3 a 5 lhe dão a satisfação de resolver os problemas.

O que vem a seguir? Sintonize da próxima vez os Estágios de Espera da Beth.

Continue escrevendo.

Leia mais Leia mais.

Sim, existem dois números 2 nesta lista, mas eu apenas segui a numeração do original. Acho que o autor não percebeu que tinha seis dicas, ao invés de cinco. E o texto que ele cita, os Estágios de Espera da Beth, eu não consegui encontrá-lo de jeito nenhum, se alguém o achar, por favor, manda o link aqui pra gente!

Falando em link, aqui vai um de um texto em português sobre criatividade: http://celioferreira.com/2010/dicas-para-estimular-a-criatividade/

Boa escrita pra você hoje! =)

Anúncios

2 Comentários

  1. Oi Valeria!

    Gostaria de conversar com você por email e não o acho aqui. É possível você me enviar seu endereço?

    Um beijo e obrigada!
    Camila.

    Comentário por camila kzan — 07/02/2011 @ 20:36

    • Oi, Camila! 😀

      Já mandei um email pra você!

      Um beijo grande,
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 08/02/2011 @ 09:48


RSS feed for comments on this post.

%d blogueiros gostam disto: