Dicas de Roteiro

23/01/2011

Como Escrever Um Roteiro Televisivo de Especulação

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 18:02
Tags: , ,

Oi, gente! Desculpe o sumiço, eu ando sofrendo horrores com o calor aqui no Rio. Tem dado mais de 40 graus todos os dias (sensação térmica de 50 graus!) e nem minha cabeça nem meu computador conseguem funcionar direito nesse forno. Só pra vocês verem, cinco minutos depois de ligado, a CPU já está fervendo a 50 graus, o computador fica lento e travando. Tô com medo de forçá-lo e ele pifar de vez! Tenho grana pra outro não! Mas daqui pra frente eu vou tentar traduzir o que der, no caderno mesmo, e passar rapidamente à limpo pro computador, assim eu acho que ele fica menos tempo ligado. Torçam por mim, qualquer frentezinha fria já vale (sem chuva mesmo, só um ventinho frio pra refrescar!).

 Vento chuva

O artigo de hoje foi uma indicação de nosso colega Igor (Valeu, Igor!), é de autoria da roteirista profissional tlperl, e foi tirado do site eHow. Note que as séries de sucesso que ela cita já estão bem defasadas (mas as dicas continuam atuais).

Television

Se você está sério quanto a perseguir uma carreira como escritor de séries televisivas (e se você não está, nem sequer tente isso), você tem de escrever um ótimo roteiro de especulação de comédia ou drama, que é um episódio-amostra de um programa atual escrito "em especulação". Produtores querem ter certeza de que você consegue imitar o estilo, a estrutura e as expressões de uma série, enquanto sugere as suas próprias histórias originais. A única maneira de provar que você pode fazer isso é escrevendo um roteiro de especulação para um programa DIFERENTE. E ele não pode ser apenas um bom roteiro de especulação, mas um que os impressione e que seja melhor do que a pilha de literalmente centenas de outros roteiros sentados no chão do produtor. Se você ainda está apto para o desafio, aqui está como começar…

INSTRUÇÕES

1. Escolha um programa para escrever, mas não apenas um programa qualquer. Ele deve estar atualmente no ar e não em risco de ser cancelado a qualquer momento, em breve. NÃO escreva o episódio que você sempre quis ver onde o Mulder e a Scully se casam em "Arquivo X", ou o episódio de "A Ilha dos Birutas" em que os sobreviventes são resgatados. Rirão de você e do seu roteiro, e não porque vocês dois sejam engraçados ou inteligentes.

O programa que você escolher para escrever em especulação deve ser popular e respeitado pela crítica. "According to Jim"? Você pode gostar dele, mas seus leitores provavelmente não gostam. Em termos de comédia, estamos falando de um programa como "The Office", "Entourage", "Two and a Half Men" ou "My Name Is Earl". Para dramas, "Lost", "Heroes", "House" e "Grey’s Anatomy" são, provavelmente, uma boa aposta. "Nip/Tuck", se você for mais ousado. Se você estiver interessado em escrever programas policiais ou de advocacia, tente um drama baseado em personagens como o "Without a Trace" ou o "Lei e Ordem: SVU".

Também é bom se você realmente curtir o programa que escolheu. Caso contrário, você não vai querer viver naquele mundo por semanas a fio, enquanto está escrevendo e reescrevendo-o.

Finalmente, NÃO escreva um roteiro de especulação para o seu programa favorito, digamos, "Lost", e espere que o seu brilhante roteiro seja lido pelos produtores, comprado na hora e transformado em um episódio vencedor do Emmy. Por motivos legais, eles nem mesmo serão capazes de lê-lo. Então escreva um roteiro de especulação para o seu segundo programa preferido.

2.  Assista todos os episódios que você puder pegar de sua série escolhida. Claro, assista aos novos todas as semanas, mas também alugue ou compre os DVDs. Você NÃO quer repetir uma das histórias dela. Você QUER ter as expressões e a estrutura da história firmemente fixas em sua cuca. E também tente encontrar roteiros reais do seu programa. Há muita informação a ser encontrada na internet (tente o site script-o-rama.com), e alguns programas tiveram seus roteiros publicados em forma de livro. Se você mora em Los Angeles, a biblioteca do Writers Guild tem roteiros disponíveis para leitura no local, de quase todos os programas atuais, para ajudar você a se acostumar com o formato.

3. Faça anotações detalhadas sobre pelo menos três episódios. Anote tudo o que acontece na história, o que cada personagem está fazendo, onde os intervalos comerciais (Atos) surgem, e as ações emocionantes ou engraçadas que acontecem logo antes deles. Observe o quão longo é cada ato. Um minuto de tempo na tela geralmente se traduz em uma página de roteiro.

4. Crie um ótimo enredo. Esta é uma das tarefas mais importantes e difíceis que você vai enfrentar. Para que ele se sobressaia do grupo, o seu roteiro de especulação deve ter uma história impactante, tipo um episódio de destaque do Guia da TV, MAS ele não deve alterar a premissa básica da série.

Por exemplo, NÃO mate um personagem, ou dê a ele uma doença grave, ou um novo emprego maluco, ou uma criança adotada.
VERIFIQUE duas vezes se sua história já não foi feita por esse programa.
NÃO mude o cenário do programa para a lua, só porque você pode.
FAÇA a história principal ser sobre os personagens principais, e não sobre as co-estrelas, e definitivamente NÃO sobre um personagem convidado que você apresentar.
DÊ à sua história uma forte atração emocional. Piadas são ótimas, mas se a história não for lógica, emocionalmente ressonante, fiel ao programa e seus personagens, e tiver algumas reviravoltas e viradas surpreendentes, ela irá direto para a lixeira.

5. Escreva um argumento. Revise as suas anotações sobre os episódios e estruture a sua história da mesma maneira. Você pode tanto escrever descrições detalhadas do que acontece em cada cena, quanto anotar rapidamente pedaços de diálogo. Utilize cartões, um quadro branco ou digite-o. O que for melhor para você.

6. Agora, deixe alguém ler o seu argumento, ou conte a ele a história. Esta pode ser uma boa hora para se inscrever em um curso ou workshop, para que você possa obter alguma orientação e um feedback decente. Eu nunca tive experiência com nenhum desses sites que você paga para receber uma análise, mas eu seria cautelosa.

Faça estas perguntas aos seus leitores: A sua história faz sentido? Os pontos de virada são surpreendentes e/ou engraçados? Ela é fiel ao programa e aos personagens? Acredite em mim, é muito mais fácil remodelar a história no argumento do que será no roteiro.

7. Finalmente você está pronto para sentar-se e escrever o roteiro de verdade! Bem, quero dizer, depois de assistir mais alguns episódios. Isso ajudará você a ouvir as vozes dos personagens em sua cabeça.

Além disso, certifique-se de usar a formatação correta, que é diferente para comédia e drama, e pode ser encontrada na internet. Ou você pode investir em um programa para escrever roteiros. Final Draft é um dos mais apreciados, e pode ser encontrado em seu site, www.finaldraft.com. Ele custa 249 dólares, mas inclui modelos de roteiros de TV para programas específicos, e tem uma demonstração gratuita que você pode experimentar.

8. Quando você terminar a sua primeira ou segunda versão, consiga uma nova rodada de críticas, também chamada de "observações", de sua oficina de escrita e/ou de um escritor profissional, se possível.
Peça a alguém que seja fã da série para lê-lo, e para alguém que não seja fã. A história deve ser emocionante, envolvente e engraçada (se for uma comédia) para ambos.

9. REESCREVA! Escrever é reescrever. E reescrever não é apenas adicionar algumas falas ou piadas aqui e ali. É apagar cenas inteiras e histórias que não estejam funcionando e escrever novas para tornar a história mais surpreendente e emocionalmente ressonante, as piadas mais afiadas. NÃO se deixe ficar casado com qualquer fala ou cena. Quando em dúvida, corte-a.

10. Agora coloque o roteiro em uma gaveta por uns dias e volte a ele com um novo olhar. Você pode se surpreender com o que você acha que funciona e o que não funciona. Faça outra versão. Ajuste a história, certifique-se de que as vozes dos personagens estejam no ponto e que cada um soe diferente. Melhore as piadas, corte o diálogo. Procure imagens-chave para ajudar a contar a história.

11. Não envie-o para ninguém até que um ou mais dos seus mais severos críticos digam que você está pronto (e não apenas porque eles estão cansados de ler isso). Registre o seu roteiro no Writers Guild em www.wga.org por 20 dólares. A maioria dos agentes e produtores não vai ler um roteiro que não tenha sido registrado, por razões legais.

12. Parabéns! Você agora é o orgulhoso autor de um roteiro de especulação polido. Sinta-se livre para entrar em alguns concursos. Agora, você está sentado? Como a maioria dos agentes, executivos e produtores pede DOIS roteiros de especulação de programas diferentes, você deve voltar e repetir os passos de 1 a 11. Ei, é por isso que os escritores de TV ganham os tubos….

Dicas e Avisos

💡 Como levar os seus roteiros de especulação às pessoas importantes, é um outro artigo completamente diferente. Cheque novamente em breve.

❗ Certifique-se de que o seu roteiro esteja com os erros ortográficos e gramaticais corrigidos. Você não quer ser conhecido como um escritor analfabeto.

vintage-glass-typewriter-keys-royal-jewelry-art 

O artigo sobre mandar os roteiros sobre as pessoas certas será traduzido num próximo post. Boa escrita pra você hoje! 😀

Anúncios

7 Comentários

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Filipe Freitas, Valeria Olivetti. Valeria Olivetti said: Como Escrever Um Roteiro Televisivo de Especulação: http://wp.me/pJ8ar-13Z […]

    Pingback por Tweets that mention Como Escrever Um Roteiro Televisivo de Especulação « Dicas de Roteiro -- Topsy.com — 30/01/2011 @ 00:31

  2. Muito bom, confesso que a cada artigo que leio e aprendo me sinto mais confiante para escrever minhas idéias!
    Copiei todos seus posts antigos desde o primeiro pra dentro do word e estou devorando tudo no serviço! Estou sem acesso à internet mas esse mês e vou comentar em tudo que eu li! Estou adorando seu blog! Nota mil! E espero que o clima ajude! 😉

    Comentário por vinicius — 30/01/2011 @ 10:31

    • Oi, Vinicius! 😀

      Nossa, que bacana você estar gostando tanto a ponto de ler tudinho! Obrigadão, isso me deixa super feliz e me dá um ânimo extra pra continuar (e como eu tô precisada de ânimo nesses dias…!) Valeu mesmo! 😀

      Um beijo grande, Vinicius, e uma ótima semana pra você! Espero poder conversar mais contigo no futuro! :mrgreen:
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 30/01/2011 @ 19:54

  3. Oi Valéria !!!
    Muito bom este post não ? Eu realmente pela primeira vez não fiquei confuso sobre “Roteiros de especulação”. Estou escrevendo um roteiro de especulação de 90210 (nova versão). A história tá muito fraca e muito ruim.

    Ai, eu queria saber quanto tempo deve demorar para escrever uma temporada completa de sua própria série de TV ?

    Estou atrasadão aqui. Até mais… E espero que o tempo melhore mesmo, pois moro no Rio também. muito calor…

    Uma otima semana!
    Igor.

    Comentário por seriesdetvblog — 30/01/2011 @ 11:16

    • Oi, Igor! 😀

      Excelente o artigo, foi uma excelente indicação, obrigadão! Eu vou traduzir todos os três que essa autora postou sobre roteiro no site eHow, são todos muito legais. Valeu demais a dica!

      Para escrever uma temporada inteira de sua própria série, vai depender de quantos episódios você terá. No Brasil não tem um número certo, vai depender do espaço na grade das emissoras, mas nos EUA as primeiras temporadas costumam ter 12 episódios. Depois de comprovado o sucesso da série, eles vão pra segunda temporada, que costuma ter 24 episódios. O ideal seria levar no máximo duas semanas pra escrever um episódio, ou ainda menos, por isso eles têm tantos escritores, para acelerar o processo, mas pra escritores como nós, que escrevemos sozinhos, bem, eu levo até um mês pra escrever um episódio, mas se eu dedicar mais tempo (botar mais pressão e urgência) acho que consigo fazer em até 10 dias um episódio de uma hora (cerca de 42 páginas, tirando os comerciais).

      Acho que é isso, se alguém tiver uma sugestão melhor, será bem-vindo!

      Um beijo grande, Igor, e uma ótima semana pra você! (Não esqueça de conferir os outros textos dessa autora, também são bem legais!)
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 30/01/2011 @ 20:03

  4. que calor mesmo amiga!

    Comentário por januária — 30/01/2011 @ 21:05

    • Tá braba a coisa, todo santo dia!, mas ainda não perdi as esperanças de uma frentezinha fria pra gente! 😀 😉

      Comentário por valeriaolivetti — 01/02/2011 @ 10:03


RSS feed for comments on this post.

%d blogueiros gostam disto: