Dicas de Roteiro

16/07/2010

Oito Semanas Para Um Roteiro – Parte 5

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 07:28
Tags: , , ,

Voltamos com o artigo de Richie Solomon, tirado do site Story Link.

human_calendar

SEMANA CINCO – ATO TRÊS

The Book of Stars

A Arte de Viver, escrito por Tasca Shadix

Uma grande história com um final terrível faz um filme terrível. Tente se lembrar de alguns filmes que você tenha visto que tiveram grandes histórias, mas finais terríveis. As probabilidades são de que você não possa se lembrar de muitos. Não porque não haja nenhum, mas porque esses tipos de filmes são facilmente esquecidos.

Agora tente se lembrar de filmes com histórias terríveis mas grandes finais. Novamente, as probabilidades são de que você não consiga se lembrar de muitos. Só que desta vez é porque os grandes finais deixam-lhe lembrando que a história toda foi igualmente ótima, mesmo que não tenha sido.

William Goldman disse: "Filmes são sobre os últimos vinte minutos."

Você começou grande e conseguiu fisgá-los. Você atraiu o interesse deles e manteve-os virando as páginas. Então agora você tem que deixá-los com algo que os faça lembrarem-se de você.

No Ato Dois, nós estávamos constantemente aumentando os desafios que o nosso herói enfrentava. O Ato Três é onde nós finalmente o deixamos resolver seus conflitos. Não é, porém, apenas uma conclusão de todas as lutas que ele enfrentou antes.

Este é o lugar onde ele vai lutar a maior batalha de sua história, o confronto final entre o herói e o vilão. De fato, o Ato Três não pode sequer começar até que o conflito possa realmente ser resolvido. É o ponto de virada da história. É quando o nosso herói é finalmente capaz de superar os seus conflitos internos para resolver os seus externos. É o tudo ou nada, o colocar tudo em jogo, o último homem de pé luta até o fim.

Deve ainda ter algumas reviravoltas. Não deve ser previsível; entretanto, o leitor deve sentir que o fim ainda era plausível. Alguns dos finais mais memoráveis são aqueles que não vimos chegando, mas que deveríamos ter visto.

O seu herói pode não conseguir necessariamente o que quer, mas deve obter o que precisa. E ele deve ter ganho esse prêmio através de suas próprias ações. Nada parece mais barato do que um herói derrotando um vilão por causa de uma força externa ou evento aleatório.

A sua história tem um final lógico, mas ainda assim inesperado? Se não, examine mais fundo. Como você pode adicionar uma reviravolta extra ou um choque que irá impactar o leitor?

Escreva o seu rascunho do Ato Três. Ele deve ter entre 20 e 30 páginas.

Na próxima semana, a verdadeira diversão começa quando pegamos o seu rascunho e o moldamos em uma inevitável obra de arte.

Cinema Chaplin

Boa escrita hoje pra você! 😀

Anúncios

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: