Dicas de Roteiro

17/04/2010

Criando Reality Shows (2)

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 10:54
Tags: , ,

Esta é a segunda e penúltima parte do artigo Criando Conceitos de Reality TV retirado do site The Television Writers Vault:

reality_tv_illustration

A seguir está a estrutura simples (conteúdo não incluído) da apresentação de qualquer projeto, e é semelhante ao registro/ficha de inscrição utilizado para o Television Writers Vault. A maioria dos esboços descrevendo um programa terão de 1 a 5 páginas:


NOME DO AUTOR:

TÍTULO DO PROGRAMA:

FORMATO DO PROGRAMA (“Série de Realidade”, “Programa de Jogos”, “Filme-Feito-Para-TV”, “Série Dramática” etc.):

Número do registro no Writers Guild of America, ou número do registro no www.CreatorsVault.com (Recomendado, mas não obrigatório):

SINOPSE (LOGLINE) (Descrição de seu conceito em uma ou duas frases. Semelhante ao que você pode ver no Guia da TV ou num cartaz de um filme, mas com o conteúdo um pouco mais detalhado).

ARGUMENTO (Tratamento, esboço) Uma descrição detalhada de seu programa da maneira como nós o veríamos na TV. Geralmente vai de 1 a 5 páginas.

É importante ser eficiente em suas descrições e ainda assim fornecer informações suficientes para provocar o interesse do leitor. A regra de ouro: Mostre ao leitor o que estamos assistindo.

Não existe nenhuma maneira “certa” de se apresentar uma ideia para a TV dos vários gêneros roteirizados e baseados na realidade da televisão. Entretanto, existem filosofias e formatos que irão ajudar o comprador a ver mais claramente sobre o que a sua ideia de programa de TV se trata, e o seu potencial. A seguir estão alguns modelos de apresentação de conceitos para reality shows. Estes são argumentos escritos de forma bem básica. Uma versão mais desenvolvida e extensa pode ser escrita em qualquer ponto do processo de desenvolvimento.


 Reality Shows que fracassaram

 REALITY SHOWS QUE FRACASSARAM

1- AMERICA’S NEXT TOP MANEQUIM (“Próximo…”)

2- SURVIVOR ANTÁRTICA

3- TROCA DE PRIMOS EM SEGUNDO GRAU

4- ENTÃO VOCÊ ACHA QUE CONSEGUE NADAR

Exemplo de Sinopse/Argumento Para Uma Proposta de Programa de TV de Reality Show: O conceito original a seguir é protegido pelo Creators Vault e pelo Writers Guild of America. Se você desejar contatar o autor para uma proposta de compra, por favor, faça isso AQUI. Endereços de I.P. e relatórios de características são registrados durante a navegação desta página por segurança e para evitar o roubo de propriedade intelectual.

Nome do Autor Disponível Mediante Solicitação

Gênero: Série de Realidade

Título: “Ligado à Broadway!”

Sinopse (logline): É o “Waiting for Guffman” junto com o “American Idol”. Um extravagante diretor e coreógrafo da Broadway desembarca em uma pequena cidade, infiltrando-se numa peça de teatro local. Um intérprete será levado de volta para a Broadway para uma papel de destaque em um espetáculo real da Broadway.

Argumento: [contendo de 3 a 7 parágrafos de resumo do conteúdo do programa em seu desenrolar. Seja específico e original em sua execução]

(Temas: Baseado na realidade, realização de uma fantasia, desempenho de talentos, comédia)

Uma série documental para a televisão: Em toda cidade pequena, existem grandes sonhos…

Em Washbuckle, Missouri, o teatro regional abre testes gerais para a escolha do elenco de sua peça musical anual. Alguns membros da trupe têm sonhos de serem sucesso na Broadway ou em Hollywood. Outros concorrentes sonham em serem as estrelas de Washbuckle, Missouri, monopolizando o centro daquelas atenções que despertam ano após ano.

Mas o que acontece quando, apenas uma semana antes da noite de estreia, um implacável Diretor e Coreógrafo da Broadway chega de surpresa na cidade com a intenção de tomar o controle da produção da cidadezinha enquanto procura por talento a fim de encontrar a sua “estrela”? É um olhar fascinante sobre os grandes sonhos de uma pequena cidade dos Estados Unidos.

As histórias pessoais e os personagens arquetípicos que se chocam de acordo com a aproximação da noite de estreia. O ego-maníaco diretor de teatro local fica sendo sistematicamente deixado de lado pelo diretor de cidade-grande da Broadway. Os momentos de humor que surgem da luta dos espertos da cidade para tolerar os modos e a mentalidade da cidade pequena. As disputas internas entre membros do elenco em potencial. O pânico que se segue enquanto o elenco, a coreografia, e a produção se mandam no último minuto. Os momentos inspiradores que veem à superfície em meio ao caos da noite de abertura… E “a decisão”. Uma pessoa do elenco será escolhida para uma vaga numa produção de sucesso da Broadway, e fará uma viagem a Hollywood para uma vaga em uma novela. Que oportunidades mais eles poderiam esperar para serem famosos?

Sete episódios:

1. Conhecer o povo da cidade. Conhecer os personagens-chave e o grupo de teatro. Também assistiremos, paralelamente, o impiedoso Diretor da Broadway em ação em Nova York, vendo os contrastes de ambos os personagens. Teremos uma visão humorística das terríveis audições para a peça da cidadezinha. Veremos o anúncio (ou o rumor) da chegada iminente do Diretor da Broadway à procura de talento, e testemunharemos a ansiedade que é infundida em cada um de nossos personagens da cidadezinha lutando para entrar na peça.

2. Durante o confronto crescem as tensões, as acusações, o diretor começa a sentir a pressão. Pessoas são contratadas para o elenco. Corações são partidos, esperanças são estimuladas. Eles têm uma primeira leitura da peça com o elenco. O misterioso diretor da Broadway vestido de preto senta-se no fundo. (Imagine um Simon Cowell) vociferando da fila de trás: “Parem! Todos vocês, PAREM!!” Ele então marcha pelo corredor central da plateia. Uma figura imponente. Ele se apresenta e dá a notícia de que chegou ali para encontrar um talento. E alguém desta cidade, desta peça, será o escolhido. Ele continua, falando que não vê nada além de problemas. A peça terá um novo elenco, a produção vai parar agora! (Uma semana antes da noite de abertura)

3. O novo diretor e o diretor da cidadezinha brigam. O elenco protesta. Novos testes são realizados, e os desempenhos são analisados. Um novo elenco é anunciado, e desse elenco virá a sua “estrela”.

4. A pressão está em alta para se produzir tudo para a noite de estreia. Nós cobrimos quatro dias de ensaios, assim como as lutas pessoais em torno da produção. Antecipação, ansiedade, ressentimento, esperança, adrenalina. Noite de estreia! Nós vemos a performance e as reações de nosso diretor da Broadway. Suspense sobre a sua decisão de quem será ligado à Broadway!

5. Recapitulação da série, as performances, as discussões, e, finalmente… a decisão. Uma das pessoas que conseguiram um papel, pequeno ou grande nesta pequena peça, é escolhida. Nós compartilhamos do brilho, da alegria, e da decepção dos outros. E compartilhamos de um sonho tornado realidade para aquela pessoa selecionada.

6. Broadway, Nova York!! O nosso vencedor é transportado para todo lado como uma estrela. É levado para os bastidores de uma produção da Broadway REAL, imerso naquele estilo de vida todo. Reuniões com caçadores de talentos de Hollywood, diretores de outras produções, agentes etc.

7. Vemos nosso herói de cidade pequena dar o seu salto de fé, pulando de cabeça em um espetáculo da Broadway. Um sonho se realiza.

FIM

profeta_reality

Daremos uma paradinha aqui. Amanhã finalizamos o artigo. Boa escrita para você hoje!

Anúncios

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: