Dicas de Roteiro

13/04/2010

As 4 Perguntas Mágicas

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 15:15
Tags: ,

O artigo de hoje foi tirado do site The San Francisco Lair, mas não consegui descobrir quem é o autor dele. O texto se refere a um joguinho psicológico feito pelos garotos para ver se conseguem levar alguma garota pra cama. Ao mostrar que sabem o que elas sentem, eles esperam que elas se “abram” mais para eles (Nota: Nada impede que este jogo seja feito por uma mulher para que um homem responda :mrgreen: ). Qual o motivo de eu estar colocando isso aqui? Bem, gostei do lado psicológico da brincadeira, e achei que poderíamos fazer as mesmas perguntas para nossos personagens. Acredito que isso daria mais subsídios para entendermos eles. Se não servir para mais nada, talvez sirva para juntar algum casalzinho por aí, quem sabe?! 😉

Observação: O texto foi meio mal escrito, portanto pode haver algumas frases meio desconexas, mas o original é assim mesmo. Espero que dê para entender.

joaninhas

“Pergunta: Eu topei com algumas referências às “quatro perguntas mágicas” e não fui capaz de encontrá-las online ou em arquivos. Alguém sabe quais são elas?”

Aqui vão elas. Autor original desconhecido.

As Quatro Pergunta Mágicas

1) Imagine-se em um quarto branco onde tudo é branco – paredes, teto, chão. Descreva a sua experiência.

2) Qual é a sua cor favorita? Descreva-a, que impressão ela passa?

3) Qual é o seu animal favorito? Por quê? Descreva-o.

4) Imagine-se perto de uma grande massa de água. Descreva a sua experiência… O que você faz?

As Respostas e Seus Significados

1) Esta é a sua percepção da morte e de morrer.

2) É assim que você vê a si mesmo, com aquelas qualidades que você respondeu à pergunta.

3) (Esta é muito engraçada e sempre as faz ruborizar um pouco) É deste modo que as pessoas vêem você, com essas qualidades.

4) Esta é a sua visão do sexo, com a água etc. Agora, obviamente você tem de sondar um pouco mais profundamente quando estiver fazendo essas perguntas de modo que você possa guiá-las a dar-lhe as respostas com profundidade suficiente para analisá-las, e dar a elas uma resposta de âmago profundo.

Bem, como as primeiras perguntas são muito leves e genéricas, é fácil de acertar e deixá-las surpresas com quão precisas são as respostas, de modo que quando você chegar àquela do sexo (número 4), você tem uma confiança enorme.

Elas sentem como se você as conhecesse num nível profundo e as mudanças na fisiologia etc. são enormes. Então, você começa a pergunta 4 porque tem estado certo nas últimas declarações sobre quem elas são como pessoas num nível profundo, mudando a percepção delas de modo que se surpreendam e descubram coisas sobre si mesmas que não sabiam.

Isso abre a porta para ser capaz de preencher esta última afirmação com os pressupostos condutores ao invés dos estímulos, e elas irão concordar totalmente. Obviamente, é aí que você aproveita a oportunidade para exagerar sobre as propriedades sexuais delas, os desejos etc.

x-ray_kiss

Aqui vai um exemplo para esclarecer as coisas

1) Imagine-se num quarto branco. Tudo é branco – paredes, teto, chão. Descreva a sua experiência.

Ela: Paz, calma, relaxada.

2) Qual é a sua cor favorita? Descreva-a. Que impressão ela passa?

Ela: Vermelho, ardente, se destaca, passional.

3) Qual é o seu animal favorito? Por quê? Descreva-o.

Ela: Golfinho é esperto, livre, divertido, bonito.

4) Imagine-se perto de uma grande massa de água. Descreva a sua experiência.

Ela: O que você faz? Eu pulo nela e nado.

Exemplo: Significado das Respostas Dela

1) Esta é a sua percepção da morte e de morrer. Ela se sente em paz, calma e relaxada.

2) É assim que ela vê a si mesma: apaixonada, ardente, passional e que se destaca na multidão.

3) As pessoas a vêem como livre, esperta, bonita, divertida.

4) Esta é a sua visão do sexo, amor, excitação etc. Quando ela está com aquele certo cara e simplesmente sabe lá no fundo que essa pessoa a conhece profundamente, e num nível muito mais íntimo.

Ela apenas se descobre querendo liberar toda a paixão e emoção e a conecção profunda que você pode experimentar. Bem, COMIGO, quando respondi essas perguntas eu me senti do mesmo jeito…

Importante: Como você o estabelece faz toda a diferença. Dê uma olhada na estrutura do jogo e veja se pode extrair algo dele e usar isso para um “novo jogo”. Você pode conseguir ir longe com ele.

Namorico

Boa escrita pra você hoje!

Anúncios

2 Comentários

  1. Hey! althoough no hablo espanol, I finally found you! haha..just dropping by to say hi.

    Comentário por sflair — 17/06/2010 @ 00:58

    • Hello, sflair! Thanks for your message!

      By the way, no hay problema, yo no hablo español either! 😆 Actually, in Brazil we speak Portuguese, but many people confuse it with Spanish and/or French. And it sounds like a mixture of both, because Portugal (and Brazil) was culturally influenced by Spain and France.

      This is a blog about screenwriting (and a little about moviemaking), and I usually translate interesting articles and posts to Portuguese to democratize the information (unfortunately not every brazilian can read in English). That’s why I posted your article here, because I thought that it would be useful to create characters by trying to think the way THEY think (and finding their secret feelings!). So, thank you for your text, it was very interesting, I loved it! And I hope to hear more about you, come back soon! 😉

      Best regards,
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 18/06/2010 @ 11:41


RSS feed for comments on this post.

%d blogueiros gostam disto: