Dicas de Roteiro

20/02/2010

Rodando Um Documentário de Curta-Metragem

Filed under: Direção,Documentário,Roteiro,Som — valeriaolivetti @ 18:03
Tags: , , ,

O artigo de hoje chama-se Como Filmar Um Documentário de Curta-Metragem, de autoria de Alan Donahue, para o site eHow:

Documentários são populares. Eles são vistos todos os dias, desde filmes como Sicko – $.O.$. Saúde (2007) e Super Size Me – A Dieta do Palhaço (2004), a programas de televisão como Biography e o Anna Nicole Show. Se você tem um desejo de fazer o seu próprio documentário, siga estes passos para se pôr na direção certa:

Instruções:

1- A primeira coisa que você precisa fazer é escolher um assunto para o seu documentário. Pode ser praticamente qualquer coisa, de família e amigos a completos estranhos. Assista a documentários para ver como a coisa mais simples pode ser interessante. Fique atento também a outras coisas que estejam acontecendo quando você estiver gravando. O seu tema pode mudar completamente, dependendo do que você tiver filmado.

Tentativa malsucedida de impressionar

2- A chave para se fazer um documentário de sucesso é ter toneladas de material filmado e editá-lo com apenas os melhores e mais divertidos momentos. Por causa disso, equipamento é um dos fatores mais importantes aqui.

3- Você deveria ter múltiplas câmeras e múltiplos membros de equipe, se possível. Com cada câmera, deveria haver umas 4 ou 5 baterias e um suprimento externo de energia para um dia inteiro de filmagens.

4- Tripés são necessários apenas para segmentos de entrevista. Eles podem ser irritantes, ou volumosos demais para uma gravação normal.

5- Se você planeja ter muitos membros em sua equipe, pense em um para ser o operador de microfone girafa (boom mic operator). Deste modo, você irá conseguir conversas com um som ótimo, eliminando o barulho de fundo, e será capaz de ouvir qualquer pessoa que não esteja com um microfone.

Operadores de microfone girafa no estúdio e em locação externa

“Não é fácil segurar uma girafa sem deixá-la abaixar. Encontre um operador experiente.”

6- Com todo o equipamento em mãos, você agora já está pronto para rodar o seu documentário. Tente gravar tão seriamente quanto possível, sem ficar no caminho de ninguém, e agindo como se você nem estivesse lá.

7- Se alguma coisa controversa estiver acontecendo, ou se algumas pessoas estiverem chateadas por você estar filmando, não pare até se sentir inseguro. Mantenha a câmera rodando o máximo possível; você pode acabar descobrindo as suas cenas mais divertidas durante a pós-produção.

8- Uma prática comum na área de documentários é fazer entrevistas e seguir persistentemente certas pessoas-chave durante determinados acontecimentos. Faça isso frequentemente, de modo a pegar o primeiro pensamento das pessoas, antes que elas tenham tempo o suficiente para refletir, e possivelmente mudar as suas respostas.

9- Uma vez que toda o seu material filmado esteja reunido, é hora de editá-lo — um dos mais longos e mais difíceis processos. Durante a produção, tome notas das cenas-chave para que você possa rapidamente encontrá-las, evitando assim horas de procura entre as fitas. Se o seu assunto for interessante o suficiente, você não precisará fazer uma edição complicada, e o seu documentário irá tomar forma por si mesmo.

É isso por hoje. Ainda tenho muitos artigos sobre escrever e produzir documentários, vou traduzi-los aos poucos nas próximas semanas. Uma boa escrita para você hoje e inté!

Anúncios

6 Comentários

  1. Muito legal suas dicas. Repassar a experiência adquirida é uma forma de podermos crescer ainda mais através do crescimento dos outros.Sucesso!
    Obrigado!

    Comentário por Fabrício Matos — 05/03/2010 @ 10:11

    • Olá, Fabrício!

      Muito obrigada pelo elogio! Eu sempre fico exultante quando vejo que estou sendo útil!

      Você tem toda razão, eu já estudei muito roteiro e cinema em geral, mas desde que comecei este blog, não só tenho relembrado coisas de que eu nem me lembrava mais (e dificilmente me proporia a relê-las numa circunstância normal), como tenho pesquisado mais e me empenhado com mais afinco a ampliar e aprofundar o meu conhecimento, a fim de ser capaz de explicar melhor e passar mais coisas para todos que frequentam este bloguinho.

      Como dizem por aí, o professor muitas vezes acaba aprendendo mais que o aluno. Na verdade, descobri que aprender sozinha é muuuito chato! Ficar só absorvendo, absorvendo, absorvendo informações (mesmo aplicando-as no meu trabalho de escrita) não tem graça. Divertido é aprender e passar as informações para frente!! Quando todo mundo ganha, a gente ganha em dobro, em felicidade!!

      As minhas principais fontes de aprendizado foram os livros e a internet, e o que eu estou fazendo aqui é filtrar as coisas mais legais e importantes para traduzi-las e repassá-las. Porque tem muita informação interessante por aí, mas tem muito lixo também. Eu preciso descartar muita coisa e separar apenas o que tem valor. Este é o meu objetivo, e fico feliz quando me dizem que estou conseguindo realizá-lo.

      Por isso, Fabrício, muitíssimo obrigada pela visita e pelos votos de sucesso! Seja sempre benvindo! Muito sucesso para você também!!

      Um abração,
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 05/03/2010 @ 12:34

  2. Valeria,

    Achei realmente muito interessante seu site, e tem me ajudado muito.

    Acabei de terminar o meu primeiro curta, e gostaria muito de saber a sua opiniao. Como podera enviar ele para voce dar uma olhada…tem so 13 minutos, creio que nao ira tomar muito o seu tempo.

    Mais uma vez parabens pelo trabalho.

    Luis Alves

    Comentário por Luis Alves — 12/08/2010 @ 19:20

    • Olá, Luis, seja bem-vindo!

      Você pode postar o seu curta no site Porta Curtas ou no Curta o Curta e me mandar o link, que terei o maior prazer de assisti-lo e dizer o que achei.

      Muito obrigada pela força, Luis, fico muito feliz que você esteja gostando do blog! 😀

      Até logo então, e um grande abraço!
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 13/08/2010 @ 08:44

  3. Olá gostei muito, preciso saber um pouco sobre oque é um documentario e obtive resposta.

    Comentário por Teresa Cristina — 09/11/2010 @ 12:07

    • Olá, Teresa!

      Que bom que você encontrou o que precisava! Fico muito feliz!

      Um abração, e volte sempre! 😀
      Valéria Olivetti

      Comentário por valeriaolivetti — 10/11/2010 @ 08:05


RSS feed for comments on this post.

%d blogueiros gostam disto: