Dicas de Roteiro

27/12/2009

Estrutura não é sobre tempo

Filed under: Roteiro — valeriaolivetti @ 13:40

Trecho de um artigo do roteirista William C. Martell:

Um engano comum é achar que estrutura tem alguma coisa a ver com cronologia dos eventos. Estrutura em um roteiro é a ordem dos incidentes da história, e não tem nada a ver com ordem cronológica. É possível ter uma história onde os incidentes que iniciam a história (Ato Um) tomam lugar um ano depois do que o resto da história. Cães de Aluguel (Reservoir Dogs) usa flashbacks para aumentar paulatinamente seu conflito, criando um Ato Dois que acontece semanas antes do Ato Um. Corra Lola Corra (Run Lola Run) tem três atos que ocorrem no exato mesmo tempo… paralelos um ao outro.

Memento de Chris Nolan abre com o final e então vai para trás, cena a cena, para mostrar COMO o final se tornou aquele. Nós finalmente chegamos à centelha que iniciou a história – e esse é o final do filme! A maioria das histórias são sobre O QUÊ acontece, mas esta história é sobre POR QUÊ as coisas acontecem. É semelhante a um mistério de assassinato, onde o detetive termina com a solução do mistério. Como um mistério de assassinato, Memento foca nos motivos – POR QUÊ o evento ocorreu. Apesar de Memento parecer ter uma estrutura bizarra, porque a história é contada ao contrário, é de fato um esquema de três atos tradicional.

Mesmo que o final cronológico aconteça no meio do filme, ou no começo, ou no final mesmo, a maioria dos filmes segue a estrutura básica de 3 atos baseada na importância dos acontecimentos para os personagens. Estrutura não é sobre tempo, é sobre história. A estrutura padrão de 3 atos não impede você de criar histórias originais e audaciosas, é simplesmente uma ferramenta para ter certeza de que você tem uma história. Se você quer começar o seu roteiro no final cronológico ou no meio cronológico, ou jogar a cronologia totalmente fora ao ligar as cenas por importância de eventos, você está livre para fazer isso!

Sinta-se livre para brincar com o tempo num roteiro se isso fizer sua história mais envolvente emocionalmente para o público… apenas lembre-se que toda história inicia o conflito, aumenta o conflito e então resolve o conflito. É sobre isso que a estrutura de 3 atos trata – não tem nada a ver com tempo.

Um exercício: Pegue um filme como Cidade de Deus, que não segue uma cronologia linear, e faça uma sinopse da história descrevendo os acontecimentos em ordem cronológica. Note se a história é simples ou complexa, veja se há mais de um enredo correndo paralelo. Analise se, contando a mesma história em outra ordem qualquer, o filme ficaria melhor ou não. Faça uma lista de filmes que usaram uma ordem cronológica irregular e pense nas qualidades e defeitos desse estilo de montagem dos eventos.

Boa escrita para você!

Anúncios

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: